top of page

Após cinco dias de muita intensidade, caravana do Rally dos Sertões deixa Petrolina rumo a Crato-CE


Pilotos e navegadores botaram o pé na estrada nesta quarta-feira, 16 de agosto. Mas não se trata de mais uma etapa do Rally dos Sertões 2023. Depois de dias intensos durante os sete dias em que a caravana do maior rally das Américas ficou baseada em Petrolina (PE). Todos estão rumo a Crato (CE) para a continuidade da disputa.


Essa foi a primeira vez que Petrolina recebeu a largada da prova, que também ficou uma semana na mesma cidade, em função do formato inédito da prova em laços ou margaridas (larga e retorna para a mesma cidade).


A chamada Vila dos Sertões, a maior já montada nos 31 anos de história do Rally dos Sertões, contou com 136 mil metros quadrados, recebeu milhares de visitantes, curiosos para ver de perto as supermáquinas do rally e as estrelas: os competidores.


Sobre Petrolina (PE)


A cidade de Petrolina se localiza na região do semiárido nordestino e separa-se de Juazeiro (BA) através do Rio São Francisco. A ponte que liga as duas cidades foi inaugurada em 1954 e tem um pôr do sol de tirar o fôlego.


O turismo de Petrolina se destaca pelos passeios náuticos, festas de São João, visitações em vinícolas, rica produção frutífera, museus históricos do sertão brasileiro e um rico artesanato impulsionado pela tradição das carrancas, esculturas de madeira que eram utilizadas nas proas dos navios e agora são peças de decoração.


A cidade conta com população estimada em 360 mil habitantes e a base de sua economia está na produção de frutas (especialmente uva, manga, melancia, goiaba e banana) e leguminosas (feijão, batata-doce e aipim/macaxeira). A região é atualmente o principal polo frutífero do país e, graças à presença de um aeroporto de média dimensão, boa parte da produção pode ser escoada diretamente para o exterior.

7 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page